Bohusleden

Todo mundo que vive na Suécia – e o pessoal que acompanha blogs de brasileiros por aqui – tá careca de saber que suecos adoram a natureza. Aqui o pessoal usa e abusa do direito- allemansrätten – de desfrutar dos recursos naturais (e eu acho que nem preciso dizer que eles o fazem com responsabilidade e imenso respeito ao meio ambiente).

Fonte: bohusleden.se

Fonte: bohusleden.se

Desde que mudei para o “campo” estou usufruindo também o meu direito de explorar a natureza sueca. Aqui perto de casa há dois lagos e ao redor deles muitas árvores. Além disso, descobrimos que estamos a poucos metros do Bohusleden, um caminho que corta todo o oeste do país em meio as florestas suecas com cerca de 370km.

Suecos adoram uma bela caminhada na natureza (longas caminhadas=att vandra) e nessa mania eles são acompanhados de perto de todos os vizinhos escandinavos e mais os alemães. Eu já ouvi falar de muitos suecos de dentro e/ou próximos ao meu círculo de amizades que percorreram o caminho de Santiago de Compostela (o caminho norte, entre França e Espanha) de 800km. Eu também sonho em fazer esse caminho algum dia, e agora, com o Bohusleden praticamente na porta de casa, eu posso ir treinando (hahahaha).

O Bohusleden é dividido em 27 etapas, cada uma delas com alguma coisa entre 10km e 20km aproximadamente. Minha casa fica a cerca de 400m da Igreja de Angered, justamente no ponto de encontro entre as etapas 5 (Jonsered-Angereds Kyrka) e 6 (Angereds Kyrka – Fontin). As “etapas” do caminho sueco são demarcadas nas árvores (na minha vizinhança, as marcas são laranja, mas elas também podem ser verdes) e a extensão a ser percorrida nas etapas sugeridas não é tão longa porque o pessoal com certeza tem que aproveitar e dar uma paradinha para um fika a cada vez que isso é possível. Já todo mundo que dispensa o café e está disposto a cansar as pernas de verdade pode tentar percorrer a extensão de duas etapas ou quase duas aproveitando a opção de campings e vandrahem (albergue) que existem a beira do caminho.

Fonte: bohusleden.se

Fonte: bohusleden.se

Por meio do site do caminho (bohusleden.se) é possível acessar informações pertinentes a todo o trajeto e você também encontra os mapas detalhados do percurso a venda em qualquer Presbyrån ou ponto de informações turísticas. Além disso, o Bohusleden é uma parte do Nordsjöleden, ou NAVE Nortrailprojektet, um caminho que percorre toda a Escandinávia e pelo qual você pode ir tanto caminhando como de bicicleta. Os vizinhos já avisaram que é comum durante o verão que alemães batam a porta pedindo água – super legal. Eu já vi uns perdidos, mas ninguém veio “incomodar”.

Como diz o site do Bohusleden: Att vandra är lätt. Det är bara att gå på. Naturen väntar på dig.

Caminhar é fácil. Basta ir. A natureza espera por você.

Anúncios

6 comentários sobre “Bohusleden

  1. Que delícia de caminhada!
    Eu sou suspeita para falar porque adoro caminhar por longos e tortuosos caminhos. E esse lago eu só conheço de vista, afinal foi você quem me apresentou. Com certeza vou te fazer uma visita, assim você me leva a ele novamente, só que agora aproveitando com o sol.

  2. Oi Maria! Já vivi em Santiago de Compostela e, se auxiliar, posso te dizer que não tem nada de especial, a não ser uma estrutura psicológica dos moradores do Caminho voltada à receber os andarilhos. Fora isso, umas cabaninhas de “checkpoint” onde carimbam um passaportezinho que terás para mostrar aos seus netos. Resumindo: puro turismo. O que quero dizer, sem de forma alguma desmerecer o Caminho de Santiago, é que este mesmo caminho podes fazer em qualquer lugar do mundo onde seja seguro realizares (no Brasil, acabas desaparecendo no meio do trajeto, infelizmente). É uma mera questão de estado de espírito, e não de um “Caminho” em si. A Europa, principalmente, é linda e cheia de caminhos não-oficiais a realizares. abs, P.

  3. Vânia!
    Temos que aproveitar mesmo! A previsão do tempo indica vários dias bonitos de sol pela frente. Pena que o vento é friooooooo!!!! Você que adora tirar fotografias ia se esbaldar por aqui, eu garanto!

    *****
    Paulo,
    Que pena! Você não é a primeira pessoa que me fala que não há nada de extraordinário no “Caminho”, mas ainda assim eu tenho curiosidade de fazê-lo. Eu já pensei em fazer o “caminho sul”, que passa por Portugal – estive em Portugal no final do ano passado e achei lindo – então eu concordo com vocês que a Europa está cheia de caminhos a serem descobertos, nem tão famosos quanto o caminho norte, mas que ainda assim valem muito a pena. Meu cunhado morou uns tempos na Austria e trouxe milhares de fotografias das caminhadas que eles faziam pelas montanhas – muito lindas também. Ah, e eu não quero fazer o caminho porque li Paulo Coelho (não vejo graça nos livros dele!). Será que você não acostumou? Tipo, quando uma pessoa mora na praia nem sempre vai lá aproveitar o mar porque se acostuma e isso perde o charme…

    Até mais pessoas!

  4. Nossaaaa, quase 5 anos vivendo na Suécia e nunca tinha ouvido falar desse caminho! Talvez porque me tenha calhado um viking que gosta da natureza mas não de programinhas extremos como as caminhadas no meio do nada… e ainda bem porque os mosquitos me amam e eu iria passar muito mal haha.

  5. Continuando o comentário… apesar dos mosquitos eu gosto muito de estar ao ar livre e de respirar aquele ar puro que apenas se respira no meio das árvores. Um dos meus objectivos é ir ao norte da Suécia ver as montanhas, toda a gente diz que elas são lindas!
    Beijos

  6. E esse não é o único! Há uma série de caminhos sendo abertos em toda a Suécia, e um dos mais famosos deles é entre o leste-oeste sueco em Skåne (foi o que me disseram, talvez seja apenas o preferido da pessoa que me contou essa…). Eu tenho muita sorte com mosquitos Joana, ou o sangue ruim, pois quando estou fora com o Joel todos os mosquitos ficam em cima dele, enquanto eu sou incomodada apenas por um ou dois… Eu também quero ir ao norte mas meu objetivo é ver a aurora boreal…
    Beijim!!!

Agora vamos prosear!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s