Diário Caipira-76

Está aberta a temporada de mirtilos, os famosos frutinhos silvestres azuis. Essa gostosura dá em arbustos do altura perfeita para acabar com as costas de quem quer que seja que não fique de cócoras pra colhe-los.

Felizmente temos um bosque do outro lado da rua com mirtilos suficientes para fazer a alegria dos meus filhos. Assim que fomos colher frutos silvestres hoje. E eu nem tive que arrastar as crias porta afora apesar do vento gelado (estamos no meio do verão mas… e daí?). O problema, ou melhor, os problemas são: um que se joga no meio dos arbustos sem pensar nos carrapatos e um que não quer entrar no bosque, apesar de desejar de todo o coração colher frutinhas.

Estávamos nem cinco minutos fora quando reconheço no filho o rebolado do “Preciso fazer xixi mas tem alguma coisa rolando agora e eu não quero parar o que estou fazendo”. A casa está a apenas 70m de distância mas eu acabei agora mesmo de convencer o pequeno que não quer entrar no bosque que não há problema em pisar no musgo, nem na grama, nem nos demais arbustos, folhas secas, galhos secos, pinhas, pequenos insetos e tudo o mais que existe no bosque quando nosso intuito é colher frutos que estão dentro do bosque. Com dor na consciência eu apenas:

– Mija aí mesmo, filho. Só não faz xixi no blåbär (se diz algo como blô-béérr) pois senão ao invés de blåbär vai ter blô-blé (a gente sempre usou “blé” pra nominar coisas nojentas).

Riram tanto que teve alguém que esqueceu que estava no bosque.

Agora vamos prosear!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s