A Caipira

A maioria das pessoas respondem a pergunta: o que você é? dizendo da sua profissão. Eu sou uma caipira, simples, que gosta das coisas fáceis e descomplicadas. Amo ler e às vezes escrever, aprender coisas novas – principalmente línguas novas. Gosto de andar e sair de bicicleta, sou preguiçosa mas me esforço para fazer algum exercício físico. Adoro conversar, dormir, ouvir musica, dançar, sair com meus amigos, curtir uma cervejinha, adoro ficar em casa com minha família, e sou apaixonada por estrelas… tenho encantamento pelo desconhecido!

Morava em Maripá, interior do Paraná, quando conheci Joel. Não, eu não escrevi errado, é Ma – ri – pá mesmo e não Maringá, uma pequena e aconchegante cidade 90km distante de Cascavel, onde tem muitos descendentes de alemães, muitos agricultores, muita carne, festa, arrancadão de tratores e baile sertanejo.

Pra dizer bem a verdade, ninguém se auto intitula caipira na minha cidade. Lá todo mundo é “colono”… mas não fica muito charmoso “Uma Colona na Suécia”… até mesmo porque, apesar de querer ter filhos, eu não pretendo colonizar a Suécia.

Paparico e bico de pato, o Joel é sueco, suecos não falam alemão e ele fala português fluente, além de inglês e, obviamente, sueco. Eu falo, falo e falo muito, mas só em português porque meu inglês é… e sueco eu to aprendendo. Nossa história daria um filme de sucesso – toda grande história de amor… acabamos de casar, e eu to tãooo feliz!!

Doeu muito sair do Brasil, porque tudo é diferente, mas também é novo e excitante. Tenho saudade de todo mundo! Enfim… as histórias tão ai no outro link, e eu to pronta a tagarelar com quem estiver a fim de um papo furado – como para reclamar das calcinhas européias por exemplo – ou pedir algumas informações sobre a Suécia.

Anúncios

21 comentários sobre “A Caipira

  1. Olá !

    me chamo Nielma , 39 anos, de Recife e moro na Alemanha há 14 anos e hoje me deparei no mural do Facebook de uma amiga brasileira (que mora em Hägersten, Stockholm, também há 14 anos) com um post sobre 20 coisas que você precisa saber antes de mudar para Suécia, do bolog mundodamari.wordpress.com e não me lembro exatamente onde cliquei e acabei no seu Blog e confesso que fiquei bastante tempo lendo os teus posts que são muito divertidos, bem escritos e terminam prendendo o leitor e em alguns deles me identifiquei com as histórias pois vivi algumas situações exatamente parecidas quando cheguei aqui !

    Morri di rir com o relato das “calcinhas” pois aqui é a mesma situação, vc acredita que depois de 14 anos de Alemanha ainda trago minhas calcinhas do Brasil ???? E gostei muito também do post sobre os brasileiros que vem para Europa achando que vão se dar bem por aqui sem visto, trabalho ou qualquer apoio. Já conheci muitos por aqui !

    Bem, na realidade gostaria de te dar os parabéns pelo teu blog ! Continue postando textos divertdos e esclarecedores para as pessoas que desejam conhecer a Suécia ! Eu sou uma dessas pessoas e até é uma vergonha pra mim que vive recebendo o convite da minha amiga que mora aí , afinal de contas da cidade que moro são duas horas e meia de vôo até Stockholm !!! Hoje já falei com ela e prometi que vou no proximo verão !!!!

    um abraço !
    Nielma

  2. Olá bom dia! Aliás que horas são aí? Rsrs

    Sou um caipira assim como você, porém não moro no exterior, mas vamos direto ao assunto:

    Sou dono de um blog onde escrevo contos e outras histórias (Contos da Colina). E de duas semanas para cá tenho percebido que a quantidade de visitantes suecos tem aumentado consideravelmente. Claro que não sou nenhum “top 5” entre os blogueiros, mas pretendo ser escritor, e uma das formas de mostrar meu trabalho é através do blog. Então fuçando aqui e ali pela net resolvi descobrir o que tem mais chamado a atenção dos suecos lá no blog, pesquisando sobre o país e a cultura e foi aí que acabei descobrindo seu espaço que estou achando no mínimo muito interessante.

    Acredito que assim vou poder identificar o que mais os suecos gostaram, também aprender sobre a cultura deles e até interagir mais (afinal meu inglês já não é lá essas coisas imagina o sueco!)
    Por isso vou continuar acompanhando seu trabalho que estou curtindo muito. Tens uma maneira bem criativa de se expressar aqui ^^

    Ademais, se tiver alguma dica para mim, será muito bem aceita, e será muito bem vinda quando tiver um tempinho para fazer uma visita ao meu blog: http://www.contosdacolina.blogspot.com.

    Tudo de bom para ti e viva a o Brasil! Viva a Suécia!

  3. Ola,aprendi a admirar a suecia por causa do grupo abba,cresci ouvindo esse som inigualavel,tambem sou paranaense,hj moro em sp,se nao fosse esse frio todo eu ja teria ido conhecer esse pais.boa sorte mas parece que tem algo de errado,vc nao é somente uma blogueira de plantao,vc é uma escritora pronta pra fazer sucesso com um livro,vai por mim,muita sorte nesse pais gelado e nunca esqueça do nosso brasil que breve sera o melhor pais do mundo pra viver.

  4. Oi Maria, tudo bem?? Me chamo Daiana, sou de Guarulhos, mas há 9 anos moro no interior de São Paulo, vim pra estudar..me formei, continuei o mestrado e agora graças a Deus enfim estou terminando meu doutorado. Assim como vc, sou apaixonada pela Suécia. Morei em Uppsala por 6 meses, pra fazer parte do meu doutorado, de julho de 2011 a janeiro de 2012. Doeu muito voltar. Me identifiquei muito com várias situações que vc descreve, hilárias…brasileiro é brasileiro, não tem jeito, né? Estou voltando pra Suécia, no fim de julho, vou a um congresso em Viena e depois voltar pro Brasil. Nos meus planos, quero voltar o ano que vem..vamos ver…beijo grande e parabéns pelo blog!

  5. Tentei mandar comentário mas não sei se chegou. Gostei muito de ler este post e identifiquei-me muito (muito!) com esse primeiro parágrafo, excepto que não sei muito sobre estrelas.

    A profissão é o que fazemos, não quem somos… Embora possa reflectir os nossos gostos e escolhas (mesmo assim, nem em todos os casos).

    Beijo

  6. Olá Maria. Um dia deste estive pensado em você.”Faz tempo que não vejo mais a Maria Helena”, pensei. Fico muito feliz e saber que esta bem. Por outro lado vejo que não mudou. Você é a mesma sempre foi disposta, corajosa, audaciosa, curiosa. E ao mesmo tempo apaixonada pelas coisas que estão a sua volta, como as estrelas por exemplo. Muito dedicada e comprometida em tudo. Lembro muito bem das contribuições que fazia durante as aulas. Como sugestão faz um comparativo sobre o sistema educacional, ouvimos muito falar sobre este assunto sabemos da evolução da Suécia neste aspecto. Mas a sua forma de revelar pode ser de grande valor aos seus colegas que estudaram com você Maria Helena em Maripá. Falando só um pouco de mim. estou morando em Palotina e continuo dando aula de Biologia. Sucesso e muita felicidade pra você. Obrigado por revelar para todos nos como é a Suécia.

  7. Estava pesquisando dicas e acabei caindo no seu blog.
    Aprender suéco é dureza!!! Mas a Suécia é um lugar que esta nos planos de conhecer ainda este ano. Parabéns pelo blog, é sempre bom ter informações de “primeira mão”.

  8. Oi Maria, cheguei aqui através de um blog (já nem sei mais qual!) e adorei o que vi! Eu moro em Vancouver no Canadá, há 6 anos já. Tenho uma prima que mora na Suécia e morro de vontade de conhecer esse país! Vou assinar teu blog pra acompanhar melhor. Adorei tua página “leia antes de perguntar”, tô há tempos planejando fazer uma igual no meu blog (o que aparece de gente perguntando sempre a mesma coisa não tá no gibi!).

  9. Maria, adorei o seu blog, o seu senso de humor e a sua felicidade ao lado do Joel.
    Deus abençoe voces e que tenham muitos filhos (colonizadores, kkk!) aí na Suécia.
    Beijos e abraços para vocês,
    Manoel

  10. Maria, cheguei aqui por conta de: um blog vai levando o outro e tal haha
    e olha que eu encontro alguém de Maripá, não eu não moro nem morei na cidade, mas morava bem pertinho, em Assis Chateaubriand (onde morei durante pouco tempo) e visitei Maripá alguas vezes e simplesmente adorei, o que mais lembro de lá são: a exposição de orquídeas <3 que eu fui e as cucas hahahahahaha
    ah adorei encontrar seu blog, uma paranaense caipira como eu hahahaha
    beijos!

  11. ola tudo bem ? vou viajar para suecia em julho e vou me casar gostaria de saber quais os documentos necessarios que eu preciso ?obrigado

  12. Para viajar para cá só é preciso o passaporte. Para casar é necessário, entre outras coisas, certidão de nascimento atualizada. Para maiores informações sobre os doc necessários para casar leia o post Casar na Suécia.
    Boa sorte!

  13. Oi
    Seu blog e mara e me ajudou muito
    Mas eu queria fazer mas uma pergunta:)
    Eu me casei com um sueco e tive alguns problemas com meus documentos para registrar o casamento aqui na Suécia
    Quero saber se posso registrar o casamento no Brasil sem ter registrado aqui primeiro ?e se pra registrar o casamento no Brasil meu marido tem que esta comigo ?
    Desse já agradeço

  14. Oi guria! Acho que você tem que entrar em contato com a embaixada ou um cartório porque eu não tenho idéia de como isso funciona…
    Boa sorte!

  15. Olá, sou a Livia, gostei muito da sua história, estava PESQUISANDO SOBRE COMO MORAR NA SUÉCIA, então comecei a ler os seus relatos. Na verdade estou pensando em morar na Suécia e quero saber as perspectivas que tenho de mudar completamente a minha vida. Moro em Belém-Pa com 3 filhos, sendo que um é especial, sou separada, funcionária pública estadual e estou no 2° semestre do curso de Direito. Pretendo vender tudo aqui e ir pra lá, mas quero uma segurança de emprego, faculdade, educação, etc., visto que não conheço ninguém que more lá. Sei que não vai ser fácil, mas estou disposta a arriscar!

Agora vamos prosear!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s